FI Boost: Contribuindo com o crescimento das empresas

by Cambra Comerç Brasil Catalunya / 23 setembro 2020 / No Comments

A consultora FI Group, empresa associada a CCBC e que é líder em financiamento e gestão da I+D+i, protagonizou um novo webinar no qual apresentou o FI Boost, um programa de aceleração com foco em startups espanholas de natureza tecnológica.   

Nas primeiras duas edições deste programa, o FI Group colaborou com 10 startups. Para essa terceira edição, cujo início será dia 16 de Setembro, a consultora selecionou 5 startups com o objetivo de contribuir com seu crescimento por meio da obtenção de recursos financeiros procedentes de organismos públicos e investidores qualificados e com a captação de possíveis clientes que requeiram seus serviços.

Miguel Carretero, FI Boost Manager, proporcionou os detalhes do programa destacando que este programa de aceleração corporativa equity free da FI Group contempla uma formação de 5 meses para as empresas e um acompanhamento no mercado durante 2 anos.  Além disso, um estudo de financiamento público é feito para todas as startup participantes, que inclui a solicitação íntegra e gratuita de um EINSA.

A sessão também contou com a apresentação de 4 startups tecnológicas selecionadas nas duas primeiras edições do programa. Victor Calvo, CEO da Muutech Monitoring Solutions, colocou em valor os serviços da empresa, que ajuda outras empresas a transformar seus dados de monitoramento em informação valiosa para melhorar o desenvolvimento do negócio, através de uma plataforma de monitoramento, Minerva, que se baseia nas ferramentas Zabbix e Grafana, e que reúne e visualiza dados provenientes de diversas fontes.

Jorge Rodríguez, COO da Conver.fit, apresentou uma solução fácil, útil e automática, baseada na inteligência artificial, que possibilita às empresas um aumento de suas vendas em canais online através da implementação de um marketing de personalização inteligente.

Tivemos também a participação de Íñigo González, Business Developer da Norlean, quem explicou todos os detalhes da NOA, uma ferramenta que permite analisar os dados de todas as áreas das empresas de uma forma em que se pode calcular os processos necessários para sua otimização e visualizar-los de forma rápida e imediata, o qual, em prática, supõe a criação e aproveitamento de um gêmeo digital das empresas.

Por último, Marta Vallés, Business developer e Co-founder da Vottun, colocou énfasis em uma arquitetura desenvolvida por eles para facilitar o desenvolvimento de aplicativos blockchain sem necessidade de dominar grande parte da tecnologia blockchain. Dita arquitetura permite subir o rendimento, é independente do blockchain, está completamente baseada em API e possibilita o fácil desenvolvimento de uma grande diversidade de casos de uso em blockchain.

Os associados puderam conhecer de primeira mão os modelos de negócio dessas 4 empresas, apresentar dúvidas que surgiram e explorar possíveis sinergias de colaboração.